fbpx

Skip links

6 Métricas Essenciais para Lojas Online

6 Métricas Essenciais para Lojas Online

Se tem uma loja online e realmente quer saber o seu desempenho, precisa de definir e medir KPI (indicadores chaves de desempenho).

Estas métricas ajudam-no a entender onde está a ter sucesso e onde pode melhorar.  Ao medir os seus KPI ao longo do tempo e focar-se em melhora-los, irá conseguir alcançar os seus objetivos mais rapidamente. 

Com o artigo de hoje vai ficar a saber quais os 6 KPI que deve conhecer e medir, e que se aplicam à maior parte dos setores.

Não se esqueça que estes são indicadores chave, logo não deve definir  demasiados para não correr o risco de dispersar a sua atenção.

 

1- Custo de aquisição por cliente

Esta métrica diz-lhe quanto necessita de investir para conseguir um cliente. 

Deve utilizar esta fórmula nos canais de aquisição que usa para saber quais os que estão a ter maior sucesso e quais necessitam de ser melhorados.

A fórmula para este valor é: 

Investimento de marketing no canal / clientes adquiridos = custo de aquisição de um cliente

O valor aceitável de custo de aquisição de cliente varia de setor para setor.

Para alguns negócios 50€ é um valor atrativo e para outros pode ser mesmo um autêntico pesadelo!

Definir o resultado desta métrica, permite-lhe prever o valor que precisa de investir numa próxima campanha para atingir um estimado número de clientes.

Isto torna mais simples a alocação do seu orçamento de marketing.

 

2- Valor médio da encomenda

Esta métrica refere-se ao valor médio da encomenda dos seus clientes. 

É facilmente calculada com a seguinte fórmula:

Valor das encomendas / encomendas = Valor médio da encomenda

Obviamente que o seu objetivo aqui é conseguir um valor médio de encomenda o mais alto possível.  Por isso procurar aumentar o ticket médio de encomenda é uma das melhores formas de aumentar o lucro do seu negócio.

Eis algumas maneiras de aumentar o ticket médio:

  • Criar bundles: Agrupe produtos complementares a um preço mais acessível do que se fossem comprados individualmente;
  • Ofertas: Ofereça um prémio se a pessoa ultrapassar um certo valor na encomenda (produto surpresa, portes grátis, etc);
  • Descontos de quantidade: Aplique descontos quando são comprados vários produtos em simultâneo.

3- Abandono de carrinho / pagamento

Esta métrica refere-se aos visitantes que adicionam produtos ao carrinho e não finalizam a encomenda. Já o abandono no pagamento são os visitantes que adicionam o produto ao carrinho, avançam para o pagamento e abandonam no pagamento.

Isto é perfeitamente normal! Acontece a todas as lojas online.

Na verdade, a média de carrinhos abandonados, no primeiro quarto de 2018, foi de 75,6%. 

Fonte: https://blog.salecycle.com/cart-abandonment-stats/

Existem várias causas associadas a este fator: custos inesperados, processo de compra longo, entre muitos outros. Aqui o importante é conhecer o valor desta métrica e trabalhar para que diminua progressivamente.

Para conhecer a taxa de abandono de carrinho deve usar o seu Google Analytics em:

Conversões – Comércio Eletrónico – Comportamento de compra 

 

4- Taxa de conversão

Esta métrica diz-lhe qual a percentagem de visitantes que tomou a ação desejada no seu website. Neste caso, é a compra dos seus produtos. 

Provavelmente está a pensar:

“Qual é o valor para obter uma boa taxa de conversão?”

Fonte: https://www.statista.com/statistics/439576/online-shopper-conversion-rate-worldwide/

Esta é a média global, do primeiro quarto de 2019, de todas as indústrias. É um bom lugar para começar, mas deve sempre procurar a média do seu setor para ter uma métrica mais precisa e realista daquilo que deve procurar alcançar.

Se reparar que a sua taxa de conversão está abaixo da média, deve colocar mãos à obra. Muitas das razões para isto acontecer pode ser a má experiência em dispositivos móveis, website demorar a carregar, falta de confiança na marca, etc. 

Esta métrica também é facilmente calculada:

(Número de compras / Número de visitantes) * 100 = Taxa de conversão 

O importante é analisar a performance global da sua loja e individual dos produtos.

5. Retorno no investimento 

Esta é a percentagem ou número que mostra se teve lucro ou prejuízo em determinado canal de marketing.

As duas formas mais populares de calcular este número é através do ROI (Return on Investment) e ROAS (Return on Ad Spend).

ROI = (Valor das vendas – Investimento em marketing) / Investimento em marketing

Este valor procura mostrar a percentagem do retorno relativo ao custo.

 

Exemplo prático:

Investimento = 1000€

Vendas = 6000€

ROI = (6000-1000) /1000 = 5

Agora basta multiplicar este valor por 100 para obter o valor percentual.

ROI = 5*100 = 500%

 

ROAS = Valor das vendas / Investimento em marketing

Esta métrica procura mostrar a eficácia das suas campanhas digitais. 

Exemplo prático:

Investimento = 1000€

Vendas = 6000€

ROAS = 6000/1000 = 6

O 6 significa que cada euro que investiu nesta campanha gerou 6€ em vendas.

Ambas servem o propósito que queremos, que é saber quais os canais que estão a ter resultados.

Também o ajuda a perceber quais os canais em que precisa de alterar a sua estratégia ou até aqueles que não faz sentido continuar a investir. Há certos canais que podem não ser os mais adequados para o seu negócio.

 

6- Valor total do cliente

Esta é uma das métricas mais importantes e mais difíceis de calcular. 

A fórmula para calcular esta métrica é a seguinte:

Valor médio da compra x Número de vezes que os clientes compram por ano x Número de anos que o cliente compra = Valor total do cliente

 

Digamos que tem os seguintes dados:

Valor médio da encomenda = 30€

Número de vezes que os clientes compram por ano = 2

Número de anos que os clientes compram = 5

Valor total do cliente = 30 x 2 x 5 = 300€ 

Ao saber esta métrica já não olha para um cliente que compra apenas 20€ na sua primeira compra como sendo esse o seu valor. 

Consegue ter uma visão a longo prazo e perceber que esse cliente, na verdade, vale bem mais que 20€.

É importante dizer que este cálculo é, raramente, exato. É bastante difícil de acertar nesta métrica a 100%. 

Também se torna impossível de calcular se a sua loja tem, apenas, alguns meses de existência.

No entanto, apenas ter uma noção básica desta métrica será bastante benéfico para si, uma vez que poderá segmentar os clientes por valor e até criar uma estratégia para aumentar  o número de vezes que esses clientes compram. 

 

Conclusão

Existem várias métricas em que se pode focar, no entanto apenas algumas são indicadores chave de desempenho. Conseguirá resultados muito superiores ao focar-se apenas nesses indicadores, ao invés de analisar constantemente várias.  

Lembre-se do princípio de Pareto:

80% dos resultados vem de 20% das ações

Se quer definir e implementar estratégias de marketing na sua loja online, entre em contacto connosco!

Estamos aqui para o ajudar.