fbpx

Skip links

Como construir uma Marca forte no Mercado

Como construir uma Marca forte no Mercado

Uma marca pode ser considerada um dos ativos mais valiosos que uma empresa possui. Mas nem sempre é tratada com a devida importância, não conseguindo por isso ser reconhecida no mercado. Veja neste artigo os fatores mais importantes para a sua marca atingir o sucesso.

1. Criação de Identidade – Qual a sua importância?

Ao contrário do que se pensa, os consumidores não compram produtos ou serviços apenas pelo preço e qualidade. Muitas decisões de compra são baseadas nos seus estilos de vida e estatuto social. Ter uma marca que vá de encontro às preferências dos consumidores é um passo largo para uma presença forte no mercado.

De facto, as pessoas preferem comprar produtos ou adquirir serviços que lhes transmitam confiança e segurança e aqui, a identidade da marca tem um papel fundamental.

Ter uma identidade de marca de confiança é uma ferramenta de marketing muito importante para conversar com os clientes.

Vejamos o exemplo da Nike:

A estratégia de marketing da Nike não passa só pela venda de calçado e roupa desportiva, mas sim pelo estilo de vida que está associado e a necessidade que cria no consumidor de ter esse estilo de vida. Por esse motivo, a marca tem usado celebridades desportivas que se identifiquem com os seus produtos, tornando a marca mais valiosa e desejável juntos dos consumidores.

Na construção da identidade de qualquer marca, o design é um dos fatores-chave, uma vez que está presente e todos os aspetos que a identifiquem junto dos consumidores, e a distinguem no mercado.

O design está assim presente desde o nome ao símbolo da marca, do design do produto ao website, da comunicação à presença visual em loja. Todos os elementos que digam respeito à identidade da marca devem ser muito bem projetados, como por exemplo cor, tipografia, simbologia, packaging, entre outros.

Vejamos alguns exemplos de marcas mundialmente conhecidas que conseguimos identificar através da sua identidade:

  • Apple – A sua estratégia de branding passa pelo foco nas emoções e nas pessoas com destaque na simplicidade, o seu logótipo é uma maçã e o slogan “Think Different” (Pense Diferente);
  • Coca Cola – Identifica-se como algo que une famílias e amigos, estimula a partilha e traz felicidade; o seu logótipo é o famoso manuscrito vermelho e branco e o slogan “Taste the Feeling” (Sinta o Sabor)

2. O Posicionamento e a Estratégia de Marketing

Agora que absorveu as vantagens da criação da identidade de uma marca, podemos identificar a importância do posicionamento e a estratégia de marketing envolvidos no processo.

Para uma estratégia de posicionamento forte no mercado, a marca precisa em primeiro lugar de se focar no que a torna única e no que a diferencia da concorrência.

A realidade é que dificilmente o profissional de marketing tem o poder de posicionar o que quer que seja na mente do consumidor. No fundo, cada consumidor tem uma ideia específica do que a sua marca representa, significando que o posicionamento não é algo que possamos criar do nada, mas sim a definição daquilo que queremos que a nossa marca represente e a paixão que queremos transparecer na mente do consumidor pelo aquilo que fazemos.

O resultado disso é uma experiência de autoria conjunta com o consumidor do posicionamento que a marca tem no mercado.

Imaginemos agora que a nossa marca é uma pessoa para melhor compreender que intenção queremos passar para o consumidor. Durante a vida encontramos pessoas que identificamos na nossa mente como “amigáveis, simpáticas e amorosas”, assim como encontramos pessoas que são o oposto como “sérias, profissionais e responsáveis”, ou então “divertidas, polémicas e enérgicas”.

No fundo é isso que define o posicionamento de uma marca: a imagem que queremos passar em conjunto com o que os consumidores pensam de nós, diferenciando-nos dos nossos concorrentes.

Por esse motivo a forma como a marca comunica e os meios que utiliza para o fazer, interferem de forma direta nesta construção de posicionamento. Definir uma estratégia de marketing é assim fundamental!

3. Gerar confiança

De acordo com Rob Wengel, vice-presidente da Nielsen: “Marcas podem significar qualidade e inspirar confiança. Para um consumidor com um rendimento limitado, a potencial perda por um produto de baixo desempenho é ampliada. Assim sendo, normalmente hesitam em arriscar num produto que pode não corresponder às expectativas, e às vezes estão dispostos a pagar mais por marcas nas quais confiam.”

Um estudo realizado pela Nielsen mostra que, em países desenvolvidos, 57% das pessoas preferem comprar produtos de marcas que lhes são familiares. Para além disso, 17% comprou um produto novo porque pertence a uma marca que gostam.

As melhores empresas trabalham para controlar a perceção das pessoas sobre a sua marca.

É por esta razão que as pessoas associam a Volvo a segurança e Coca Cola a felicidade, por exemplo. Isto apesar de em 2018, dos 15 carros mais seguros nenhum ser da Volvo e de todos sabermos que Coca Cola não é saudável para a nossa saúde.

Como já percebeu, as marcas possuem um poder enorme no processo de decisão de compra do consumidor.

Atualmente, criar um presença forte no mercado é bastante difícil, uma vez que a concorrência é vasta e surgem novas marcas diariamente que lutam para se destacar das outras. Por essa razão, é tão importante definir a identidade da sua marca e posicioná-la usando uma boa estratégia de Marketing.

Com uma identidade criativa, única e bem desenvolvida, a sua marca tem tudo para se destacar perante a concorrência e vingar no mercado.

Quer construir uma marca forte no mercado ou alterar a sua atual mas não sabe como? Descarregue o nosso infográfico e descubra os 8 passos que levarão a sua marca ao sucesso.